O feio é mais barato?

A Liberdade e a privacidade, onde ficam?

Blog do Renato Nalini

Fico desolado quando viajo e constato a pobreza estética dos núcleos habitacionais. Uma casinha encostada à outra, sem espaço para um jardim, para uma horta. Sem árvores defronte às casas, numa repetição monótona e feia.

Será que é mais barato construir conjuntos idênticos, padronizados, que não admitem distinção entre uma residência e outra? Será que não temos arquitetos nem estudantes de Arquitetura que poderiam elaborar projetos mais ambiciosos, mais estéticos e até mais baratos?

Nesse ponto, como em tantos outros, evidenciamos nossa indigência ou pobre imaginação. Enquanto reproduzimos o modelo arcaico e pobre de uma arquitetura medíocre, esquecendo-nos que produzimos Niemayer, Paulo Mendes da Rocha, Vilanova Artigas, Jean Maitrejean, Ariosto Mila, Araken Martinho e tantos outros, povos que se encontram anos-luz à nossa frente adotam soluções consentâneas com as necessidades ambientais e com a beleza.

O Centro de Convenções Jacob K.Javitz, em Nova York, era um edifício causador da morte…

Ver o post original 233 mais palavras

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s